Álbum de casamento

Entusiasta de MP Lafer, escritor de livros e chofer de casamento. (foto: Renata Tosetto)
Entusiasta de MP Lafer, escritor de livros e chofer de casamento.

Por Jean Tosetto *

Nossa família se mudou para uma chácara em 1984. Nos primeiros anos morávamos quase isolados, no meio do mato. Então lotearam a chácara ao lado.

A Keila Valéria e seus familiares foram nossos primeiros vizinhos, há quase trinta anos. Em 1997 nasceu a Martinha, no mesmo ano em que meus pais me deram o MP Lafer.

Desde então o tempo passou voando feito um Concorde entre Paris e Nova York.

Há alguns dias minha mãe disse que a Martinha iria se casar com o Lucas. Quase não acreditei. A noiva queria saber se eu poderia levar ela até a cerimônia, no meu carro antigo, pois fiquei sabendo que ela adorava o mesmo.

Este convite para mim foi uma honra. Foi assim que me tornei chofer de casamento.

O grande dia chegou e, guiando o carro com a capota reclinada pelas ruas de Betel, percebi que a noiva estava compreensivelmente emocionada, mas um pouco nervosa. Tentei acalmá-la.

Disse que aquele carro só tinha me dado alegrias, e que dava sorte no amor também. Conheci minha esposa dando uma carona para ela, inclusive.

Depois perguntei onde o casal iria morar e fiquei muito feliz ao saber que seria numa casa que projetei em 2004.

A festa ocorreu num lindo gramado. Tudo estava delicioso, com os melhores doces de Paulínia feitos pela mãe da noiva, e os melhores salgados preparados pela avó.

Bons vizinhos são tão achegados quanto parentes. A gente torce um pela felicidade do outro, de coração.

Que venham mais trinta anos pela frente.

* Texto publicado originalmente no Facebook em 04 de junho de 2017.

A noiva Martinha no MP Lafer, pouco antes da cerimônia de casamento.
A noiva Martinha no MP Lafer, pouco antes da cerimônia de casamento.

O fotógrafo profissional capricha no enquadramento: várias fotos para produzir um álbum.
O fotógrafo profissional capricha no enquadramento: várias fotos para produzir um álbum.

A noiva é conduzida pelo pai até o altar, após chegar no recinto num conversível.
A noiva é conduzida pelo pai até o altar, após chegar no recinto num conversível.

Após a cerimônia do casamento, as madrinhas fotografam junto com a noiva.
Após a cerimônia do casamento, as madrinhas fotografam junto com a noiva.

Os padrinhos também se animam para um registro em torno do carro antigo.
Os padrinhos também se animam para um registro em torno do carro antigo.

Lucas e Marta recém casados. Uma vida pela frente!
Lucas e Marta recém casados. Uma vida pela frente!

Veja também:

Um convite especial dos laferistas alemães

O MP Lafer que Miro Dudek levou de São Paulo para Kassel, na Alemanha.
O MP Lafer que Miro Dudek levou de São Paulo para Kassel, na Alemanha.

O MP Lafer Germany existe desde 2011 para congregar os entusiastas da marca na Europa.
O MP Lafer Germany existe desde 2011 para congregar os entusiastas da marca na Europa.

Amigos do mplafer.net, o nosso compromisso primordial é com a memória do MP Lafer, valorizando aqueles que carregam entusiasmo por esse modelo esportivo de linhas clássicas que nos faz sentir que somos únicos num mundo cada vez mais pasteurizado. Por isso recebemos com alegria a mensagem do polonês-alemão (de coração brasileiro) Miro Dudek em 05 de abril de 2018, que agora compartilhamos com vocês:

"Caríssimos amigos,

Honrosamente, em nome de todos os membros laferistas da família do MP Lafer Germany, vimos com grande satisfação convidar vocês através deste mail de Ludwig Stolz, com a primeira newsletter de 2018 para o 7° Encontro Anual do Clube MP Lafer Germany, entre os dias 17 e 19 de agosto de 2018 na cidade de Kassel.

Será uma grande júbilo para todos nós poder recepcioná-los em nossa cidade para mais um tão aguardado encontro.

A comunidade dos laferistas na Alemanha promete mais uma experiência inesquecível.

Saudações,

Miro"

Brasileiros mencionados na comunicação dos laferistas alemães.
Brasileiros mencionados na comunicação dos laferistas alemães.

Da extensa e muito bem elaborada newsletter do MP Lafer Germany, reproduzimos uma mensagem em português, corrigindo alguns detalhes:

"7º Encontro Anual de MP Lafer na Alemanha - Kassel 2018

No coração da Alemanha, ao norte do estado de Hessen, rodeada de paisagens montanhosas e bosques de tirar o fôlego, a cidade de Kassel convida vocês a participar do sétimos encontro de MP Lafer na Alemanha.

Terra de arte e de magia, Kassel faz parte do estado oficial de residência dos Irmãos Grimm e capital da rota alemã dos contos de fadas. Sua magia, porém, não se restringe apenas às estórias infantis. Do alto do Bergpark Wilhelmshöhe, considerado patrimônio da humanidade pela UNESCO, guardados pela estátua do deus grego Hércules, encontram-se ainda a residência do Schloss Wilhelmshöhe e o Löwenburg, testemunhas importantes da grandeza da nossa história.

Historicamente, Kassel, durante a guerra, foi quase absolutamente destruída, no entanto, o que restou e o que foi reconstruído ainda reproduzem a atmosfera artística da terra dos poetas e pensadores e, a cada cinco anos, todos os olhos do mundo se voltam a esta capital para acompanhar o maior evento de arte moderna do planeta: o Dokumenta.

Assim, não percam essa oportunidade: venham desvendar conosco, dentro de seu querido MP Lafer, os encantos desse lugar.

Quem quiser participar, é bem-vindo."

Gravura sobre Kassel em 1927.
Gravura sobre Kassel em 1927.

Atrações turísticas de Kassel, na Alemanha.
Atrações turísticas de Kassel, na Alemanha.

Para mais informações visite o site do MP Lafer Germany: www.mp-lafer-germany.de ou escreva um e-mail para Ludwig Stolz: mp-lafer-germany@t-online.de


Cartaz alemão com breve histórico do MP Lafer na Alemanha.
Cartaz alemão com breve histórico do MP Lafer na Alemanha.


Veja também:

MP Lafer: "especialistas" ignoram o que um gênio reconhece

Fotomontagem feita por entusiasta do MP Lafer e colecionador da Revista Classic Show.
Fotomontagem feita por entusiasta do MP Lafer e colecionador da Revista Classic Show.

No tempo da Ditadura, universitário tinha que ser da PUC ou da USP. Ser do Mackenzie pegava mal, assim como curtir a Jovem Guarda. MP Lafer? Era carro de playboy imperialista. A Democracia voltou, mas para certos jornalistas, ignorar o MP Lafer continua na moda, assim como usar calça boca de sino.

Darci Fonseca vive atualmente em Atibaia, cidade ao norte da capital de São Paulo. Ele possui uma ligação umbilical com a história do MP Lafer, pois esteve presente no Salão do Automóvel de 1972 e testemunhou a apresentação do primeiro protótipo da Lafer, o MGT. Porém, somente em 2015 ele realizou o sonho de comprar um MP Lafer, cujo relato já está detalhado no site mplafer.net

Seu entusiasmo por carros sempre o acompanhou e o fez assinar a principal publicação sobre automóveis antigos no Brasil, a Revista Classic Show, editada na cidade de Ijuí, no interior do Rio Grande do Sul. A Classic Show chegou a vender o livro do MP Lafer em sua loja virtual, mediante consignação de exemplares. Em função deles estarem se esgotando, o único canal de vendas agora é a própria página do MP Lafer na Internet.

Se o livro do MP Lafer já figurou em anúncios da loja virtual da Classic Show nas páginas impressas da publicação, o mesmo não se pode afirmar de menções significativas no espaço editorial da revista. Apesar do MP Lafer ser um dos ícones da indústria brasileira dos anos de 1970 e 1980, ele segue completamente ignorado por gente que se propõe a retratar as mais diversas raridades sobre rodas.

Em função disso o Fonseca entrou em contato com o Walter Arruda, presidente do Clube MP Lafer Brasil, e Jean Tosetto, editor deste site, em 05 de maio de 2018, para registrar o seu "protesto":

"Olá, Jean e Walter

No recente evento de Águas de Lindóia cobrei mais uma vez da turma da Classic Show um pouco de atenção para com o MP Lafer, automóvel que a revista simplesmente ignora. Publicou até hoje, num reduzido espaço, a foto do protótipo no Salão do Automóvel de 1972 com meu filho ao volante. Posteriormente enviei para a revista foto da minha passagem pelo stand e, como forma de protesto, vestindo uma camiseta com meu MP Lafer estampado em destaque na capa da revista, capa por mim montada. Mando para vocês a minha 'bronca' (mais uma) na revista.
 Olá, amigos da Classic Show. Como diz o ditado popular 'Se a montanha não vai a Maomé, Maomé vai à montanha'... Assinante que sou desta magnífica revista sobre antigomobilismo, a melhor do gênero, todos os anos quando vou ao stand em Águas de Lindóia reclamo a não publicação na Classic Show de nada sobre o fora de série nacional MP Lafer. Menos ainda seria esperar ver o simpático conversível focalizado na capa da CS. Como lá se vão 18 anos desde o primeiro número e logo chegamos ao número 100 da Classic Show, decidi 'protestar' montando uma capa com o MP Lafer em destaque, capa estampada em uma camiseta com a qual visitei o evento. Fui, como sempre, simpaticamente recebido pelo Sandro e pelo querido Gê Ferreira que riram com o 'protesto'. Envio uma foto para, quem sabe, o automóvel criado por Percival Lafer venha a ser brevemente lembrado pela Classic Show.

Abraços a todos.
Darci Fonseca"

O primeiro a responder foi o Walter Arruda, já no dia 07:

"Bom dia Darci,

Muito bom o protesto! Afinal, temos um site, divulgamos nossos eventos e a Revista não se dá ao luxo de se interessar pelos eventos do Clube. O MP Lafer foi e ainda é um ícone da Indústria Automobilística Nacional. Figura entre os foras-de-série mais importantes fabricados no Brasil, tanto é que teve 1/3 da sua produção exportada. Se houver resposta, peço para nos encaminhar.

Abraços,
Walter Barboza de Arruda"


Palestra de Percival Lafer na Loja Teo em São Paulo: um evento ímpar da semana de design da metrópole em 2017.
Palestra de Percival Lafer na Loja Teo em São Paulo: um evento ímpar da semana de design da metrópole em 2017.

No dia seguinte foi a nossa vez de responder:

"Caros Darci e Walter,

Existe um preconceito velado contra o MP Lafer na imprensa dita especializada em carros.

Darei um exemplo: no ano passado fui convidado pelo próprio Percival Lafer para prestigiar a trajetória de sua carreira como designer de móveis, num antiquário que conseguiu reunir diversas peças de seus mais de 50 anos de ofício, inclusive com um MP Lafer estacionado na vitrine.

Neste evento o Percival fez uma breve palestra e respondeu perguntas da plateia. Naquele dia ele comprou 17 exemplares do livro do MP Lafer para levar para um evento na Europa.

Tinha um jornalista que já cobriu Fórmula 1 para os grandes jornais brasileiros e hoje é colunista de um famoso site sobre automóveis. Ele veio conversar comigo e me pediu uma dedicatória no livro do MP Lafer. Também fui cara de pau: pedi um comentário sobre o livro - positivo ou negativo - em algum de seus textos.

Depois, tive o prazer de conhecer o escritor Ignácio de Loyola Brandão - gênio da literatura brasileira e reconhecido mundialmente. Para ele não pedi nada, apenas um autógrafo. Ele tentou comprar meu livro, mas não tive coragem de vender. Dei um exemplar de presente para o escritor.

Resultado: o grandioso, generoso e benevolente Loyola escreveu uma crônica para o Estadão dedicada ao MP Lafer. Nela ele mencionou meu trabalho. Classificou meu livro como "delicioso". O outro jornalista, especializado em carros, sumiu do mapa. É por isso que vocês não saberão o nome dele.

Esqueçam o pessoal da Classic Show. Já tiveram e perderam a chance de fazer, espontaneamente, uma bela reportagem com o MP Lafer. Eu mesmo já mandei um artigo para eles, que ficou sem resposta.

Vamos continuar fazendo a nossa parte: belos eventos como o recente passeio até Socorro. Que  entusiasta do MP Lafer precisa de mais?

Abraços,
Jean Tosetto" 

Documento histórico: palestra de Percival Lafer sobre a retrospectiva de sua carreira.

Agora vejam como o mundo é pequeno, na mensagem de retorno do Darci Fonseca:

"Olá, Jean (e Walter)

Como eu gostaria de encontrar com o Loyola, com quem trabalhei no jornal Última Hora, em São Paulo. Ele, repórter de variedades, ainda era o editor do U.H. Revista e secretário gráfico da 2.ª edição, que saia à tarde. Naquele tempo (1962/64) havia isso. Veio o golpe e Loyola procurou novos rumos passando a escrever com incrível sucesso. Esse araraquarense já passou dos 80 anos e continua ativo como você testemunhou.

Quanto ao preconceito em relação ao MP Lafer, sei que ele existe e já senti isso inúmeras vezes, mas pouco importa pois o amor pelo MP é muito maior que essa bobagem. Quem sabe, como você sugeriu, eu entregue os pontos e deixe de cobrar a Classic Show, pois tudo cansa na vida, até reclamar. 

Não acredito que venham a publicar a 'bronca' ou mesmo responder, mas se isto ocorrer digo a vocês.

Abração do Darci Fonseca."

Reprodução de parte da crônica de Ignácio Loyola de Brandão sobre o MP Lafer, publicada originalmente no Estadão.
Reprodução de parte da crônica de Ignácio de Loyola Brandão sobre o MP Lafer, publicada originalmente no Estadão.

Veja também:

MP Lafer: a recriação de um ícone. O livro mais esperado dos últimos 40 anos (pelos laferistas). Clique na imagem para acessar a loja virtual.
MP Lafer: a recriação de um ícone. O livro mais esperado dos últimos 40 anos (pelos laferistas). Clique na imagem para acessar a loja virtual.

Socorro 2018: a cobertura jornalística

Anúncio do evento do Clube MP Lafer Brasil ganha destaque na primeira página do jornal "O Município de Socorro".
Anúncio do evento do Clube MP Lafer Brasil ganha destaque na primeira página do jornal "O Município de Socorro".

Todo ano o Clube MP Lafer Brasil organiza seu passeio anual, quase sempre para uma cidade diferente. De alguns anos para cá passamos a colaborar com a organização do evento, auxiliando no contato com as autoridades locais e colaborando com a imprensa da região.

Em 2018 não foi diferente. Através da Secretaria de Turismo de Socorro, a jornalista Stela Calafiori, do jornal semanário "O Município de Socorro", entrou em contato conosco em busca de informações para noticiar o evento antes e depois de seu acontecimento.

Além de informações básicas, fornecemos também fotografias para que o veículo de comunicação pudesse realizar seu trabalho a contento. Mas eles foram além da formalidade a acabaram publicando a nossa crônica depois do passeio - um texto de caráter menos jornalístico e mais pretensamente poético, inspirado em 16 canções dos Beatles.

Este gesto generoso nos surpreendeu e, em função disso, devemos registrar um agradecimento que engloba ainda os arquivos em PDF com a diagramação prévia das impressões, e a honra de nos permitir estampar duas fotos na primeira página de um jornal, em duas edições seguidas.

Aqui, nós reproduzimos o conteúdo publicado pelo jornal em imagens que podem ser ampliadas através de um clique na versão do site para computadores de mesa, ou pelo toque digital nas telas dos smartphones. Mas vamos combinar, ler um jornal impresso, do modo tradicional, continua sendo mais prazeroso.

Saudações cordiais,
Jean Tosetto

Para informar sobre o histórico do Clube do MP, o jornal socorrense recorreu a um antigo artigo publicado no site mplafer.net
Para informar sobre o histórico do Clube do MP, o jornal socorrense recorreu a um antigo artigo publicado no site mplafer.net

Novamente o MP Lafer ganha a primeira página do principal jornal de Socorro.
Novamente o MP Lafer ganha a primeira página do principal jornal de Socorro.

A reportagem contou com o apoio da nossa redação, com imagens fornecidas pelo site mplafer.net
A reportagem contou com o apoio da nossa redação, com imagens fornecidas pelo site mplafer.net 

O jornal "O Município de Socorro" gentilmente reproduziu a nossa crônica sobre o evento, baseada nas músicas dos Beatles.
O jornal "O Município de Socorro" gentilmente reproduziu a nossa crônica sobre o evento, baseada nas músicas dos Beatles.

Saiba mais sobre este evento de sucesso. Clique no banner abaixo:

MPs em Socorro 2018

Socorro 2018: os vídeos

MP Lafer estacionado no centro histórico de Socorro.
MP Lafer estacionado no centro histórico de Socorro.


O 22º Passeio do Clube MP Lafer Brasil, realizado em 2018 para Socorro, foi registrado também em vídeos para o YouTube.

O vídeo acima foi produzido pela Secretaria de Turismo da Prefeitura Municipal da Estância de Socorro. Um trabalho profissional que contou com tomadas aéreas feitas com um drone. Por elas, o espectador pode até imaginar que se trata de uma cidade no sul da Itália, mas Socorro fica no sudeste do Brasil.

Já o vídeo abaixo é da nossa lavra e, na verdade, é uma coleção de 60 fotografias dispostas em slideshow, com a diferença fundamental que as imagens não se restringem à Socorro, mas mostram também o ponto de partida e várias passagens das estradas percorridas pela fila indiana de MPs.

Vale a pena você reservar uns minutinhos do seu dia para adoçar as pupilas.


Saiba mais sobre este evento de sucesso. Clique no banner abaixo:

MPs em Socorro 2018

Socorro 2018 por Gilberto Martines

Os 66 MPs que largaram em São Paulo se juntaram a mais 4 MPs na cidade de Socorro.
Os 66 MPs que largaram em São Paulo se juntaram a mais 4 MPs na cidade de Socorro.

O Gilberto Martines esteve em todos os 22 passeios do MP Lafer. Seus relatos são parte da tradição deste site.

Como é de praxe, estou enviando algumas fotos do nosso 22° Passeio Anual do Clube MP Lafer Brasil, para aqueles que não puderam participar do evento possam curtir um pouco do que aconteceu.

Este ano a cidade de Socorro foi escolhida no interior de São Paulo, sendo pertencente ao Circuito das Águas e próxima das cidades de Serra Negra e Lindóia. Como sempre, o mês de abril é escolhido para o nosso evento, pois é um período onde chove menos e, para nós, o tempo bom nos ajuda a reunir mais laferistas, colocando assim um número maior de carros na estrada.

A data escolhida 14 de abril de2018 e a previsão do tempo dizia que teríamos chuva no final de semana, mas isso não nos impede de realizarmos o nosso passeio. Já no início da semana que precede o encontro, muitos já começam a fazer uma pequena revisão no carro, para poder ter uma viagem segura e tranquila. Na véspera, uma sexta feira 13, troquei o óleo do motor e o filtro de gasolina. Revisei de lâmpadas e lavei o carro.

O sábado amanheceu ensolarado com ajuda São Pedro: a previsão do tempo errou. O ponto de encontro foi o Posto BR do km 28 da Rodovia dos Bandeirantes e o horário previsto para partirmos seria 09h30min horas, porém partimos 15 minutos depois.

Neste ano observei que tivemos um número maior de novos participantes no passeio. Porém não pude conhecer todos. Tive a oportunidade de conhecer um casal que veio de Ribeirão Preto para participar pela primeira vez evento.

De Ribeirão Preto para Socorro com escala em São Paulo. Teremos prazer em identificar o nome do casal.
De Ribeirão Preto para Socorro com escala em São Paulo. Teremos prazer em identificar o nome do casal.
Um pouco antes de partirmos um rapaz fez uma surpresa para sua mãe: ele a levou para o posto onde nós estávamos e a presenteou com um MP Lafer. Ela ficou emocionada, pois é um carro que ela sempre admirou. Não posso relatar mais detalhes, pois quando cheguei ao posto ele já tinha feito a entrega do carro e logo partimos para o nosso destino.

No momento da partida contei que estavam presentes 66 MPs.

Imagem que vai se repetindo a cada ano: MPs na fila do pedágio.
Imagem que vai se repetindo a cada ano: MPs na fila do pedágio.

O trajeto percorrido foi: Rodovia dos Bandeirantes até o km 84K, onde pegamos o anel viário de Campinas até a Rodovia Dom Pedro, quando na saída 133 A acessamos a Rodovia Adhemar de Barros  até a saída 157 A.  Passamos ainda pelas cidades de Itapira e Lindóia antes de chegar a Socorro.

Pelo trajeto um grupo de laferistas se separou do nosso comboio, chegando um pouco mais cedo na cidade, isso em decorrência pela passagem dos pedágios sem esperar quem vinha mais atrás. Ao chegarmos à cidade de Socorro fizemos uma parada de uns 15 minutos, pois estava programada uma filmagem da nossa carreata. Às 13 horas entramos na Praça da Igreja Matriz onde foi realizada a filmagem com direito até a um drone para capturar melhores imagens.

Pausa para reorganização da fila de MPs na entrada de Socorro.
Pausa para reorganização da fila de MPs na entrada de Socorro.

Carros estacionados, hora de almoçar. O local onde ficamos conta com muitos locais para refeições e cada um optou onde comer.

As 15h30min horas se iniciaram as nossas confraternizações, onde estavam presentes no coreto da praça o nosso presidente Walter Arruda e o diretor Romeu Nardini. Eles fizeram uso da palavra para apresentar o prefeito e alguns secretários da cidade que ajudaram a realizar o nosso evento.

Os carros da Lafer ficaram esparramados pelo centro histórico de Socorro.
Os carros da Lafer ficaram esparramados pelo centro histórico de Socorro.

Após os agradecimentos realizou-se o sorteio de um boné e uma camiseta do clube. Foi também entregue pelo nosso presidente ao Secretário de Turismo de Socorro, Acácio Zavanella, o certificado de originalidade para placas pretas de seu Ford Del Rey  ano 1988, que este ano completou 30 anos e se apresenta em ótimo estado de originalidade.

No coreto da praça: Walter Arruda, o Secretário de Cultura de Tiago de Faria, o Prefeito de Socorro André Eduardo Bozola de Souza Pinto, Acácio Zavanella, Jean Tosetto e Romeu Nardini.
No coreto da praça: Walter Arruda, o Secretário de Cultura de Tiago de Faria, o Prefeito de Socorro André Eduardo Bozola de Souza Pinto, Acácio Zavanella, Jean Tosetto e Romeu Nardini.

Após a confraternização muitos participantes permaneceram na cidade para pernoitar. A maioria dos laferistas ficou hospedada no Grínberg's Village Hotel, onde também me hospedei. Fomos muito bem recebidos no hotel, que promoveu um jantar temático sobre os “Anos Dourados” com musica de época ao vivo e decoração de mesas e ambiente. Dentro do restaurante tinha até uma motoneta antiga.

Ao final da noite cada um foi para o seu quarto para o descanso merecido. O domingo amanheceu com um sol lindo. Tomamos um café reforçado e cada um tomou seu destino. Alguns ficaram no hotel, outros foram para a cidade e a maioria antecipou o retorno à São Paulo.

Hotel decorado com ambientação da década de 1950.
Hotel decorado com ambientação da década de 1950.

Deixo aqui meus parabéns ao Walter, Romeu e Jean Tosetto, que fizeram a escolha da cidade e a organização do passeio. Foi ótimo. Espero que para o próximo ano possamos contar com mais participantes. Abraço!

MPs em Socorro 2018

22º Passeio do MP Lafer - Socorro 2018

Capa do jornal "O Município de Socorro" de 13 de abril de 2018, comprado na Papelaria Peretto.
Capa do jornal "O Município de Socorro" de 13 de abril de 2018, comprado na Papelaria Peretto.

Um dia na vida

Eu li as notícias ontem, meu garoto, sobre uns sortudos que iriam se reunir com seus carros antigos na Praça da Matriz. Eu tive que rir. Eu vi a foto.

Acordei, caí da cama, passei um pente pela cabeça e fui direto para o Posto BR da Rodovia dos Bandeirantes. Bebi uma xícara e, olhando para cima, percebi que estava atrasado.

Vamos para Socorro, todos juntos agora. Pois quando eu era jovem, muito mais jovem que hoje, eu nunca precisei do socorro de ninguém, em nenhum sentido. Mas agora esses dias se foram, e não sou uma pessoa assim tão segura.

Porém, quando estamos todos guiando MPs amarelos, vermelhos, prateados - e de tantas outras cores - nosso céu é azul e a Serra da Mantiqueira é verde. E nossos amigos estão todos a bordo: muitos deles são nossos vizinhos.

Na longa e sinuosa estrada vemos outros carros passando por nós, com suas janelas fechadas e seus motoristas sisudos. Olhe para todas as pessoas solitárias! De onde todas elas vêm? A que lugares elas pertencem?

Vejo um deles manipulando o smartphone na fila do pedágio. Ele é um autêntico homem de lugar nenhum. Sentando em seu carro de lugar nenhum, fazendo todos os seus planos inexistentes para ninguém. Logicamente ele não poderá ouvir, então ele nunca saberá o que está perdendo.

Após quase três horas de viagem, os MPs chegam no centro histórico de Socorro. "Quem são esses caras?" - os moradores locais perguntam.

Nós somos a turma do Clube MP Lafer Brasil, do Romeu "Sargento Pimenta" Nardini. E esperamos que vocês gostem do show. Faz 20 anos hoje que o Walter Arruda nos reuniu pela primeira vez. Naquela época nossos carros estavam saindo de moda, mas eles já garantiam o seu sorriso levantado, toda vez que você via um deles passar na sua frente.

A previsão do tempo não era animadora: chuva e instabilidade. Se a chuva vem eles correm e escondem suas cabeças. Mas felizmente São Pedro disse: "Lá vem o sol e está tudo certo". Os sorrisos estão voltando aos rostos.

O sino da igreja badala e muitos casais ainda se dão as mãos, como antigamente. E quando eles se tocam, ainda se sentem felizes por dentro. Alguns ali já passaram dos 64 anos de idade e já não precisam mais perguntar se ainda se amam. Não se esqueça, você também ficará velho um dia.

A vida - e a jornada - é muito curta e não há tempo para implicâncias e brigas, meu amigo. Temos que ter uma desculpa para celebrar nossa passagem por aqui. O MP Lafer é a nossa bela desculpa. Há alguma coisa no jeito dele se mover que me atrai como nenhuma outra máquina.

Você pode me perguntar se este meu amor por tudo isso vai crescer. Eu não sei, eu não sei. Só sei que todas as coisas devem passar. Então, trato de fazer o registro delas para incentivar os mais jovens.

- Garotos, vocês vão carregar essa herança por um longo tempo.

Até 2019!

Por Jean "Billy Shears" Tosetto


Os carros do Clube MP Lafer Brasil se encontraram no Posto BR do km 28 da Rodovia dos Bandeirantes, para a largada do passeio rumo a Socorro.
Os carros do Clube MP Lafer Brasil se encontraram no Posto BR do km 28 da Rodovia dos Bandeirantes, para a largada do passeio rumo a Socorro.

Logo após a primeira praça de pedágio, muitos MPs inadvertidamente se desgarraram do carro madrinha, avançando velozmente.
Logo após a primeira praça de pedágio, muitos MPs inadvertidamente se desgarraram do carro madrinha, avançando velozmente.

Tivemos que ultrapassar os carros mais adiantados, para evitar que eles se perdessem nas estradinhas do Circuito das Águas e nas ruas internas de Socorro. Nós estudamos o caminho e acabamos liderando o primeiro pelotão.
Tivemos que ultrapassar os carros mais adiantados, para evitar que eles se perdessem nas estradinhas do Circuito das Águas e nas ruas internas de Socorro. Nós estudamos o caminho e acabamos liderando o primeiro pelotão.

O anfitrião Reinaldo Keller conduz o grupo principal de laferistas pelas alamedas da linda e histórica cidade de Socorro.
O anfitrião Reinaldo Keller conduz o grupo principal de laferistas pelas alamedas da linda e histórica cidade de Socorro.

Ao fundo, a Igreja de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Os MPs passam e as pessoas na varanda assistem de camarote.
Ao fundo, a Igreja de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Os MPs passam e as pessoas na varanda assistem de camarote.

MP Lafer estaciona diante da loja "Noivas e Flores", especializada em roupas para casamento, decoração de igrejas e arranjos florais. As pessoas ainda se casam no interior.
MP Lafer estaciona diante da loja "Noivas e Flores", especializada em roupas para casamento, decoração de igrejas e arranjos florais. As pessoas ainda se casam no interior.

Romeu "Sargento Pimenta" Nardini inspecionando a tropa de MPs na Praça da Matriz em Socorro.
Romeu "Sargento Pimenta" Nardini inspecionando a tropa de MPs na Praça da Matriz em Socorro.

Walter Arruda, presidente do Clube MP Lafer Brasil, promove a bagunça no coreto da praça. Quando essa turma de camisas vermelhas se reúne em qualquer lugar, logo o trânsito fica parado. Por nobres motivos, obviamente.
Walter Arruda, presidente do Clube MP Lafer Brasil, promove a bagunça no coreto da praça. Quando essa turma de camisas vermelhas se reúne em qualquer lugar, logo o trânsito fica parado. Por nobres motivos, obviamente.

Alguns paulistanos já conheciam Miami de avião, mas nunca tinham pego um MP Lafer para ir logo alí, em Socorro. O Clube MP Lafer Brasil também é cultura. Viva o turismo perto de casa.
Alguns paulistanos já conheciam Miami de avião, mas nunca tinham pego um MP Lafer para ir logo alí, em Socorro. O Clube MP Lafer Brasil também é cultura. Viva o turismo perto de casa.

Socorro entrou definitivamente em nossos corações. Agradecemos a boa acolhida!
Socorro entrou definitivamente em nossos corações. Agradecemos a boa acolhida!

Veja também:
Mais passeios

Este artigo foi baseado nas letras das músicas a seguir: