O Lafer LL no Museu do Automóvel de Canela

O engenheiro Flavio Fernandes ao lado do Lafer LL que ajudou a fabricar.
O engenheiro Flavio Fernandes ao lado do Lafer LL que ajudou a fabricar.

O Lafer LL foi um investimento da marca para atender o mercado brasileiro de ponta após a proibição da importação de veículos na década de 1970.

No livro "MP Lafer: a recriação do um ícone" um dos capítulos mais difíceis - e também mais prazerosos - para escrever foi justamente sobre o projeto do Lafer LL, do qual foram construídos menos de dez protótipos e sobre o qual havia pouca informação registrada.

Conseguimos entrar em contato com pouquíssimos proprietários e ex-proprietários do modelo, solicitando fotografias do mesmo, ou mesmo permissão para ir até o local de guarda do carro para fotografar. A despeito da cordial formalidade a nós dispensada, o que recebemos foram respostas lacônicas.

Felizmente a própria Lafer, após tomar conhecimento da nossa proposta editorial, nos forneceu preciosas imagens de arquivo que enriqueceram a entrevista feita com o engenheiro Flavio Fernandes, que atualmente trabalha para uma marca gigante do automobilismo mundial, mas que iniciou a carreira justamente na sala de projetos da Lafer, entre 1978 e 1979.

A conversa se desenvolveu na varanda de um grande hotel de Águas de Lindóia em São Paulo, onde ocorre o principal encontro anual de carros antigos e especiais do Brasil. Nossa felicidade em constatar que estávamos diante de um amigo foi confirmada quando ele se lembrou de nós anos depois, passando férias de fim de ano na Serra Gaúcha.

Em visita ao Museu do Automóvel de Canela ele se deparou com um Lafer LL 1978 estacionado ao lado de um Brasinca Uirapuru: "Vou te dizer que fiquei emocionado ao chegar ao lado desse carro. Muita vontade de resgatar aquele LL encontrado em Manaus."

Agradecemos ao Flavio por se lembrar do mplafer.net num momento que certamente teve um significado especial para ele. De nossa parte, não guardamos imagens em memórias de smartphones: fazemos questão de compartilhar com todos os laferistas que visitam nossa página que bateu seu recorde histórico de pageviews em dezembro de 2016, mesmo com um tal de Facebook para atrapalhar.

Veja também:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O seu comentário construtivo será bem vindo. Não publicaremos ofensas pessoais ou dirigidas para qualquer entidade. EVITE ESCREVER SOMENTE COM MAIÚSCULAS. Não propague spam. Links e assuntos não relacionados ao tema da postagem serão recusados. Não use termos chulos ou linguagem pejorativa.